Histórico da Família

           Depois de uma longa viagem, vindos da cidade de Bento Gonçalves/RS, onde se instalaram os primeiros descendentes de nossa família, vindos da Itália, chegavam em 1905, na cidade de Rolante, os primeiros imigrantes italianos.

Tendo em vista que as várzeas do então distrito de Santo Antônio da Patrulha estavam ocupadas por alemães, se direcionaram a subir os morros, abrindo picadas e trilhas em meio à mata fechada, morro a cima, com suas bagagens, crianças pequenas, e com a estátua de Nossa Senhora de Caravaggio, padroeira, a qual eram devotos, em busca de um local adequado para desenvolver suas atividades culturais e religiosas próximo a recursos hídricos para suprir as necessidades da casa e dos plantios, chegaram então na comunidade de “Boa Esperança”.

Trouxeram na bagagem sementes de milho, feijão, trigo e estacas de parreiras iniciando seu cultivo primeiramente para o sustento de sua família, que era bastante numerosa e baseada no farto consumo de polenta, pão e massas e vinho. A localidade é até hoje povoada basicamente por descendentes de italianos, enquanto a cidade é constituída por maior parte, descendentes alemães.           

                  Em 1.912 chegava em Boa Esperança Romano e Dusolina Sbardelotto, com a numerosa família composta por 10 filhos, a qual foi ainda acrescida por outros 7 nascidos aqui em Rolante, totalizando uma família de 17 filhos.

Desde os primórdios da colonização, a família de Romano Sbardelotto, italiano natural de Lentiai, região de Belluno na Itália, sempre cultivou videiras, dentre outras culturas para o sustento de sua família, além de elaborarem vinho para o consumo da casa.  

     O cultivo das videiras teve um significativo aumento, tornando-se grandes parreirais quando Otávio Sbardelotto, seu filho, adquiriu de seus familiares, também herdeiros, as terras da família, podendo administrar e gerenciar a produção juntamente com a família que constituiu.

     Anos depois, seguindo a cronologia da família, Gentil João Sbardelotto herdou a propriedade e continuou os afazeres do pai, com amor pela história que carregava em seu sangue, ampliando e modificando o cultivo de seus parreirais, dando início a comercialização significativa de uvas para consumo in natura na cidade de Rolante e Santo Antônio da Patrulha e, consequentemente aumentando a elaboração de vinhos para agregar renda á família, não produzindo mais somente para o consumo familiar mas para comercializar também a amigos e clientes das “quitandas”, e o excedente de uva produzida nos vinhedos da propriedade eram comercializadas para 2 vinícolas maiores, que absorviam e processavam a produção vitícola de toda a região.

     Mais tarde a propriedade foi repassada para Adelio Luiz Sbardelotto, que deu seguimento às tradições herdadas, visou ampliar o comércio de uvas e vinhos, e em junho de 2002 registrou a marca da família demostrando o orgulho de sua cultura, de sua história e de seu trabalho, lançando a marca BENNATO, palavra que tem origem italiana, que significa bem-nascido ou bem feito/elaborado, tendo como símbolo a foto de sua família em seus rótulos de vinhos e sucos, da linha tradicional, iniciando um novo marco para a família.  

     Em 2007 a vinícola familiar passou a contar com o auxílio técnico e visionário da filha de Adelio, a enóloga Josiane Gabriela Sbardelotto, onde juntos com sua família atualizam conceitos buscando inovações para aperfeiçoar e diversificar os produtos oferecidos a seus clientes, turistas e visitantes, sem perder a simplicidade no trabalho e no atendimento.

     Então pensando em homenagem a sua família e seus antepassados, em 2016, a vinícola lançou uma nova linha de produtos chamada Bennato Evoluzione, que representa uma linha de vinhos finos e espumantes, a qual traz em seu rótulo o retrato e a assinatura de seus bisavós, nonos e pais, como forma de agradecimento pela bravura, coragem e fé, no cultivo de suas tradições e culturas, buscando melhores condições de vida num lugar novo e desconhecido, abrindo possibilidades de um futuro melhor para nós, seus sucessores, o que nos orgulha, engrandece intensamente e nos estima imensa gratidão!

     E em janeiro de 2017, Anderson Luiz Sbardelotto, também filho de Adelio retorna a residir na propriedade da família com sua mulher Vanderléia Ferraz Alves de Almeida (Léia) e a filha dela Julia Ferraz Alves de Almeida. Ambos voltaram com o intuito de residir e trabalhar juntos na propriedade da família, gerenciando e desenvolvendo as atividades da vinícola, retornando, não ocasionalmente, a iniciar o trabalho na vindima daquele ano(2017).

Hoje a 4ª e a 5ª geração trabalham juntas, no cultivo de videiras e na elaboração do suco de uva, vinhos comuns, vinhos finos e espumantes, afim de atender bem e com qualidade os clientes e turistas que visitam a vinícola e que gostam dos produtos oferecidos, demonstrando por meio deles, amor por nossa história, valorizando as raízes que nos trouxeram até aqui!

              O centro da cidade encontra-se a 35 metros acima do nível do mar, enquanto a localidade de Boa Esperança - Caminho das Pipas esta a 675 metros. Rolante distancia-se 95 km da capital Porto Alegre, 65 km de Gramado na Serra Gaúcha e 92 km de Tramandaí no litoral.

Merica Merica - Caetano Veloso
00:00 / 00:00
Redirecionamento
  • Instagram
  • Trip Advisor ícone social
  • Facebook
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now